• Patrocinado por:

  • Busca

    Palavra Chave:

    Data:





Curiosidades


Assunto: Reciclagem de leo de cozinha evita efeito estufa
País: Brasil
Fonte: http://www.reciclaveis.com.br/noticias/00708/0070806cozinha.htm
Data: 9/2007
Enviado por: Rodrigo Imbelloni
Curiosidade (texto):
Sabe o leo de cozinha, de soja, girassol ou canola, por exemplo, freqentemente utilizado em frituras. Pois bem, sem falar no mal que o excesso pode causar ao organismo, ele tambm faz um mal enorme ao meio ambiente se jogado pelo ralo da pia, pois provoca o entupimento das tubulaes nas redes de esgoto, aumentando em at 45% os custos de tratamento. Um litro de leo de cozinha pode contaminar at um milho de litros de gua, que equivale ao consumo de um ser humano por 14 anos. Sem contar que acaba chegando ao oceano e, em contato com a gua do mar, libera gs metano (21 vezes mais agressivo que o carbono), um dos grandes viles do aquecimento global, explica Marcos Menami, scio da Biom Reciclagem de leo Vegetal.

Pensando nisso e em uma outra finalidade para o leo usado, Menami e seu irmo, Robson, moradores de Birigi, oeste paulista, iniciaram h dois meses uma coleta pelo municpio. "Mapeamos a cidade em cinco regies e cada dia da semana passamos em uma delas para coletar leo de cozinha em pontos comerciais. Em cada comrcio geralmente sobram, por semana, 50 litros de leo", conta. E apesar de muita gente, principalmente no interior, fabricar seu prprio sabo com o resduo, ainda h muitos outros que no sabem o que fazer com o material usado. "Em parceria com uma emissora de rdio local, passamos a divulgar o telefone da empresa para que quem no tiver um destino para o leo possa nos procurar que vamos at o local recolher o material".

Alm de realizar esse trabalho, a cada cinco litros fornecidos, a Biom oferece algum produto de limpeza como detergente, amaciante, sabonete (adquiridos em outra parceria com um fabricante da cidade) ou mesmo uma nova lata de leo por apenas 20% do preo do produto adquirido no supermercado.

E para estender o projeto tambm s residncias os irmos estabeleceram um trabalho conjunto com uma cooperativa que j realiza a coleta seletiva de resduos slidos, como latas, vidro e papel, em condomnios. Pretendem aproveitar a logstica j existente, investir e ampliar a tarefa incluindo o resgate do leo usado e estender a atuao para outros pontos de Birigi.

No ms de agosto iniciaro uma ao nas escolas, pegando carona em um ciclo de palestras com o intuito de desenvolver a conscincia ambiental, realizado pela prefeitura, estimulando os alunos a trazer de casa o leo usado para que seja reciclado. Em troca, a cada 100 litros, eles levam doces e pipocas para serem distribudos. Segundo Menami, isso apenas o comeo. Pretendem expandir a coleta por cidades da redondeza por um raio de 100 quilmetros, incluindo Araatuba, Penpolis, Lins e Guararapes. O intuito final do trabalho consiste na produo de biodiesel, que j conta com uma usina piloto realizando os primeiros testes.


Fonte: DirioNet