• Patrocinado por:

  • Busca

    Palavra Chave:

    Data:





Curiosidades


Assunto: Crianas da ndia vasculham o txico lixo eletrnico
País: Brasil
Fonte: http://www.reciclaveis.com.br/noticias/01008/0100810india.htm
Enviado por: Rodrigo Imbelloni
URL: http://www.reciclaveis.com.br/noticias/01008/0100810india.htm
Curiosidade (texto):
Jovens catadores vasculhando o lixo so uma imagem comum da pobreza crnica da ndia, mas agora h novos perigos com a crescente indstria do e-lixo. Asif, 7, passa os dias desmontando equipamentos eletrnicos em uma pequena e pouco iluminada unidade na regio leste de Nova Dli, junto com outros seis garotos. "Meu trabalho catar estas pequenas caixas pretas", disse ele, enquanto seus dedos agilmente colhiam circuitos integrados da pilha de restos de computadores ao seu lado. Seu irmo mais velho, Salim, 12, tambm d duro no trabalho em vez de estar na escola. Ele extrai transistores e capacitores de placas. Os irmos, que no revelam quanto ganham, dizem que esto freneticamente ocupados com o crescente nmero de computadores, impressoras e outros bens eletrnicos que so descartados por lares e empresas. Poucas estatsticas sobre a indstria informal do e-lixo so conhecidas, mas um relatrio das Naes Unidas, publicado em fevereiro, descreve como montanhas de resduos perigosos de produtos eletrnicos esto crescendo exponencialmente em pases em desenvolvimento. Em 2020, diz o documento, a ndia ter 500% a mais de e-lixo proveniente de computadores velhos e 18 vezes mais celulares antigos descartados do que em 2007. Os riscos para quem manuseia esses restos esto claros para T.K. Joshi, chefe do Centro de Sade Ocupacional e Ambiental do Maulana Azad Medical College, em Nova Dli. Durante 12 meses, ele estudou 250 pessoas que trabalham na cidade com reciclagem e desmontagem de equipamentos e descobriu que quase todos tm problemas respiratrios como asma e bronquite. "Encontramos nveis perigosamente altos -dez a 20 vezes mais do que o normal- de chumbo, mercrio e cromo em amostras de sangue e urina. Tudo isso tem um efeito prejudicial nos sistemas respiratrio, urinrio e digestivo, alm de incapacitar a imunidade e causar cncer", disse ele France Presse. Os metais e substncias txicas entram na corrente sangunea dos trabalhadores durante o processo de extrao manual, em razo da precariedade dos equipamentos para obter minsculas quantidades de metais preciosos. Equipamentos de segurana, como luvas e mscaras, so praticamente desconhecidos, e os trabalhadores -muitos deles crianas- geralmente no tm ideia do que esto manuseando. "Todos os trabalhadores que entrevistamos no tinham cincia do perigo ao qual estavam expostos. Eles so analfabetos e esto desesperados por um emprego", diz Joshi. "Para eles, a escolha clara: morrer de fome ou intoxicado". MORTE LENTA Ele alerta que a exposio a subprodutos do e-lixo, como cdmio e chumbo, pode resultar em morte lenta e dolorosa. "Eles no conseguem dormir ou andar. Esto esgotados ao atingir 35, 40 anos e incapazes de trabalhar". No h estimativas de quantas pessoas morrem na ndia por causa do e-lixo, j que trabalhadores doentes retornam aos seus vilarejos quando no conseguem mais se sustentar. "Computadores, TVs e celulares so os mais perigosos porque tm altas taxas de chumbo, mercrio e cdmio, alm de serem mais descartados, por seu curto tempo de vida", diz Priti Mahesh, coordenadora do grupo ambiental Toxic Link. O governo indiano props uma lei para regulamentar o comrcio de e-lixo, mas o Centro para Cincia e o Ambiente (CSE, na sigla em ingls), um outro grupo ambiental de Dli, diz que qualquer legislao ignoraria o exrcito de trabalhadores informais, como os irmos Asif e Salim. "A proposta diz que apenas grandes empresas devem fazer reciclagem e desmontagem. Isso no ir funcionar porque o setor informal j tem um sistema barato, que ser usado pelas pessoas", diz Kushal Pal Singh Yadav, membro do CSE. Fonte: Folha de S.Paulo