Curiosidades

  • Patrocinado por:

  • Busca

    Palavra Chave:

    Data:





Curiosidades


Assunto: Placas de trnsito com material reciclado
País: Brasil
Fonte: http://www.setorreciclagem.com.br/modules.php?name=News&file=article&sid=1202
Data: 7/2011
Enviado por: Rodrigo Imbelloni
URL: http://www.setorreciclagem.com.br/modules.php?name=News&file=article&sid=1202
Curiosidade (texto):
A cidade de Po, na Grande So Paulo, est testando a utilizao de placas de trnsito feitas de material reciclado. O modelo contm apenas plstico e alumnio de embalagens longa vida, resultando em um material resistente e malevel. As placas so produzidas em uma fbrica de Mogi das Cruzes, na Grande So Paulo, gerenciada por pai e filho. H alguns anos eles usam uma tecnologia alem para reaproveitar o plstico e o alumnio das embalagens. Aqui ns estamos vendo matria-prima de uma composio que vai gerar placas, telhas, em vez de se tornar um lixo, gera benefcios para o prprio meio ambiente, explicou Edson Antnio Landucci, diretor da empresa. Depois de seco, todo o material picotado e protegido da luz do sol e da umidade. O produto embalado em filme de polister, como se fosse um colcho. A pea prensada a 160C e sai inteira. As placas saem quase prontas da prensa basta fazer o formato desejado. Quanto mais a gente conseguir incentivar as pessoas a reciclar, a gente tem mais facilidade de obter matria prima, com isso voc consegue reduzir o custo final, voc acaba ficando cada vez mais competitivo, explicou Rafael Landucci, diretor comercial da empresa. Po foi a primeira cidade de So Paulo a encomendar as placas. Aos poucos o novo modelo toma conta do galpo da secretaria de trnsito. Por ms, cerca de 100 placas so substitudas nas ruas da cidade. Todas vo para o depsito e so inutilizadas. Isso custa dinheiro, uma placa de alumnio hoje custa de R$ 25 a R$30, e quando ela volta para c no tem como ser reutilizada, ao passo que essa placa ecolgica ns vamos ter como reutilizar, explicou Jos Paulo Teixeira, diretor de trnsito de Po. Outro problema com as placas de alumnio so os furtos. Quem vai furtar joga um metal na placa. Se esse metal ficar preso placa de alumnio ou metal, eles furtam. Para eles tm valor. A partir do momento que for uma placa dessas reciclada, vo jogar o im e no vai colar. Ele v que no material que serve para eles, disse Teixeira. Por enquanto, as novas placas esto sendo testadas. Se forem aprovadas, outros setores podem utilizar o produto. Uma infinidade de coisas podem ser feitas com material reciclado, basta que haja interesse das pessoas em produzir, explicou Marlene Santana, secretria de Segurana Urbana da cidade. fonte: www.moginews.com.br fonte: G1