Curiosidades

  • Patrocinado por:

  • Busca

    Palavra Chave:

    Data:





Curiosidades


Assunto: Onde esto os reciclveis?
País: Brasil
Fonte: Setor Reciclagem
Data: 7/2014
Enviado por: Rodrigo Imbelloni
URL: http://www.setorreciclagem.com.br/coleta-seletiva/onde-estao-os-reciclaveis
Curiosidade (texto):
Grande gerador de resduos, Brasil sofre por falta de matria-prima reciclvel O Brasil gera milhares de toneladas de lixo por dia. Estima-se que mais de 35% do que coletado poderia ser destinado s usinas de reciclagem. Outros 35% poderiam ser transformados em adubo orgnico. Poderiam, mas a verdade que grande parte deste total depositado em lixes, ocasionando a poluio de lenis freticos e contribuindo para que milhares de famlias trabalhem em condies precrias, sobrevivendo do que arrecadado no lixo. Esses fatos provocam reflexes em torno do desperdcio e do fim dos recursos naturais. No bastasse a realidade de pobreza de grande parte da populao do pas, o imenso volume de alimento desperdiado contamina os resduos slidos, atrapalhando a reciclagem. um cenrio de contra-sensos. Indstrias recicladoras trabalham com nveis de ociosidade por falta de matria-prima, enquanto lixes e aterros esgotam sua capacidade. Quais so as alternativas para fazer com que os resduos tomem o caminho certo para s mos dos recicladores? A coleta seletiva apontada como o gargalo do processo de reciclagem. Sua organizao impulsionaria o ndices de reaproveitamento dos materiais. O processo de reciclagem comea no hbito de descarte da populao. Os resduos slidos precisam ser separados dos orgnicos e dos sanitrios (lixo do banheiro) para encontrarem condies satisfatrias de triagem. Posteriormente, devem ser encaminhados s empresas que beneficiam a sucata para, finalmente, retornarem indstria, responsvel pela transformao do resduo em um novo produto a ser consumido. A mecnica parece simples. Mas o fato que muitas recicladoras trabalham com ociosidade por no encontrarem material em condies adequadas para a reutilizao. Parte do que chega indstria de reciclagem proveniente de lixes. O material j foi misturado com resduos orgnicos. Apesar de vrias iniciativas fervilhando, a coleta seletiva ainda pequena no pas. O que retorna no suficiente e de baixa qualidade. Mesmo o consumidor consciente, por falta de locais e de informao, acaba no sabendo o que fazer. As prefeituras se mostram com desejo de realizar a coleta, mas a verdade que poucas fazem um servio eficaz. CONSCINCIA A populao precisa de ateno especial para que o setor da reciclagem no pas consiga alar voo. Criar hbitos de descarte, com a separao adequada dos materiais, pode impulsionar os ndices de reaproveitamento de materiais. Quando misturamos orgnicos e slidos, estamos diminuindo o valor que cada um teria se descartado separadamente, encarecendo o processo de reciclagem, j que grande parte dos custos de produo diz respeito limpeza dos materiais. Se o sistema de coleta estiver organizado em todo o pas, o preo do reciclado vai cair. Se os hbitos no mudarem, o setor da reciclagem no conseguir mostrar vantagens econmicas e, consequentemente, no evoluir. Sua colaborao crucial!